Trio Parcae se une a Brasil Opus Música para apresentação na Praça da Liberdade de Bonito – Prefeitura Municipal de Bonito

junho 21, 2024 Off Por Admin

O trio Parcae (França), formado por uma mezzo-soprano e duas sopranos, Elise Gueroult, Léa Sirera e Fiona Fauchois, que apresenta uma investigação sobre a influência da música medieval na tradição Música europeia, com objetivo de trazer à tona figuras esquecidas pela história e propor um repertório distante, reorganizado e repensado de forma a ser apresentado com canções dos dias atuais se une ao Brasil Opus Música, que apresenta um trabalho inovador idealizado e dirigido pelo renomado maestro e violonista Eduardo Martinelli e promete encantar os amantes da música com sua abordagem única da riqueza sonora do Brasil e da região do Pantanal, para apresentação gratuita em Bonito no dia 22 de julho, às 19 horas, Praça da Liberdade.

O Brasil Opus Música é formado por músicos com vasta experiência internacional, tendo se apresentado ao lado de músicos dos EUA, Canadá, Chile, Argentina, Uruguai, Portugal, Espanha, Suíça, Trinidad Y Tobago, Coreia do Sul e Itália. O Brasil Opus Música é uma importante celebração da diversidade musical do país e das tradições sul-americanas.

A fusão do Trio Parcae com o Brasil Opus Música promete uma experiência musical singular e envolvente, nascida do encontro entre a tradição europeia e a riqueza sonora sul-americana. Conhecendo-se durante uma turnê do Brasil Opus Música em Barcelona,
esses talentosos músicos descobriram uma conexão única entre seus estilos e abordagens artísticas.

Quando esses dois grupos se juntam, a proposta é criar um diálogo entre culturas e épocas distintas, mesclando a profundidade histórica das canções medievais com a exuberância e o ritmo da música brasileira. O resultado é um espetáculo que transcende fronteiras, apresentando arranjos inovadores onde a voz feminina do Trio Parcae encontra as harmonias e melodias vibrantes do Brasil Opus Música. Juntos, eles podem reinterpretar clássicos de ambas as tradições e criar novas composições que refletem essa parceria inédita.

O público pode esperar uma apresentação repleta de surpresas, onde a elegância e a introspecção do canto medieval europeu se entrelaçam com a energia e a vivacidade da música sul-americana, proporcionando uma viagem sonora inesquecível e rica em emoções.