Carretas da Mamografia chegam a mais cinco municípios em julho; veja quais

junho 28, 2024 Off Por

As Carretas da Mamografia, do Programa Mulheres de Peito, percorrerão durante o mês de julho as regiões de Guarujá, Presidente Epitácio, Peruíbe, Pirajuí e Presidente Venceslau. A iniciativa do Governo de São Paulo, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), possibilita o diagnóstico e o tratamento precoce do câncer de mama, realizando a mamografia gratuitamente para mulheres acima de 35 anos.

Incentivando o autocuidado, o serviço atende mulheres entre 35 e 49 anos sem necessidade de agendamento e acima de 70 anos mediante apresentação do RG, cartão do SUS (Sistema Único de Saúde) e um pedido médico. Para as pacientes com idade entre 50 e 69 anos, é necessário apresentar apenas RG e cartão do SUS.

Somente do dia 3 de janeiro até 24 de junho deste ano, foram realizados 15.307 exames em 34 municípios do estado. Em 2023, o programa realizou 24.690 exames e percorreu 47 municípios

Caso sejam detectadas alterações no exame, as pacientes são encaminhadas a um serviço de referência do SUS para a realização de exames complementares ou tratamento.

O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, com disponibilização de até 50 senhas. Aos sábados, o horário é das 8h às 12h, com atendimento de até 25 mulheres. A distribuição de senhas é feita por demanda espontânea e por ordem de chegada.

Sobre o exame

As imagens capturadas nos mamógrafos são encaminhadas para o Serviço Estadual de Diagnóstico por Imagem (SEDI), ligado à secretaria, localizado na capital paulista, que emite laudos à distância. O resultado sai em até dois dias após a realização do exame.

As carretas contam com uma equipe multidisciplinar composta por técnicos em radiologia, agentes administrativos e supervisor de unidade. Para agilizar o diagnóstico, cada veículo é equipado com conversor de imagens analógicas em digitais, impressoras, computadores e mobiliários.

Mulheres de Peito

As mulheres paulistas com idades entre 50 e 69 anos também podem marcar seus exames de mamografia sem necessidade de pedido médico e de forma gratuita pelo SUS (Sistema Único de Saúde).

Para realizar o agendamento do exame, basta ligar para o número 0800 779 0000. A consulta é marcada via Sistema Informatizado de Regulação do Estado de São Paulo.

Confira o cronograma em cada município:

Carreta da Mamografia em Guarujá:
Data: 10 a 20 de julho de 2024
Horário: segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e, aos sábados, das 8h às 12h (exceto feriados)
Endereço: Via Santos Dumont, 856 – Sítio Paecara – CEP -11460-001 – Guarujá – SP

Carreta da Mamografia em Presidente Epitácio:
Data: 16 a 27 de julho de 2024
Horário: segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e, aos sábados, das 8h às 12h (exceto feriados)
Endereço: Rua Pernambuco, nº 644 – Centro – CEP – 19470-000 – Presidente Epitácio, SP

Carreta da Mamografia em Peruíbe:
Data: 23 de julho a 03 de agosto de 2024
Horário: segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e, aos sábados, das 8h às 12h (exceto feriados)
Endereço: Rua Nilo Soares Ferreira nº50 – centro – ao lado do Paço – CEP: 11750-000 – Peruíbe – SP

Carreta da Mamografia em Pirajuí:
Data: 23 de julho a 03 de agosto de 2024
Horário: segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e, aos sábados, das 8h às 12h (exceto feriados)
Endereço: Avenida Presidente Afonso Pena – Ginásio de Esportes Satilio de Lima – CEP : 16600-000 – Pirajuí SP

Carreta da Mamografia em Presidente Venceslau:
Data: 29 de julho a 10 de agosto de 2024
Horário: segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e, aos sábados, das 8h às 12h (exceto feriados)
Endereço: Rua São Paulo – Centro – atrás do Centro de Saúde – CEP: 19400-099 – Presidente Venceslau – SP

SP Por Todas

SP Por Todas é um movimento promovido pelo Governo do Estado de São Paulo para ampliar a visibilidade das políticas públicas para mulheres, bem como a rede de proteção, acolhimento e autonomia profissional e financeira que viabiliza serviços exclusivos para elas.

LEIA TAMBÉM: Governo de SP oferece linhas de crédito especiais para mulheres

Essas frentes estão nos pilares da gestão e incluem novas soluções lançadas em março de 2024. Um dos destaques é o auxílio-aluguel de R$ 500 para vítimas de violência doméstica. Também houve ampliação do monitoramento permanente de agressores com uso de tornozeleiras; o lançamento do aplicativo SPMulher Segura que conecta a polícia de forma direta e ágil caso o agressor se aproxime; e a criação de novas salas da Delegacia da Defesa da Mulher 24 horas.

O Governo do Estado ampliou linhas de crédito para elas e ampliou a entrega das Casas da Mulher Paulista, que oferecem serviços de apoio psicológico e capacitação profissional. A gestão paulista ainda implementou o protocolo Não Se Cale para acolhimento imediato e combate à importunação sexual em bares, restaurantes, casas de show e similares, formando equipes em um curso online oferecido gratuitamente aos profissionais do setor.