O médico revelou que a jovem tem problemas psiquiátricos e tem epilepsia

julho 20, 2022 0 Por Admin

Reprodução

Reprodução

A jovem, 26 anos, que estava internada na Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) Ipase, em Várzea Grande, oi encaminhada na tarde desta terça-feira (19.07) para o Pronto-Socorro do município. A jovem estava internada desde o último domingo (17.07), quando foi trazida à unidade de saúde pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

Ao , o médico plantonista revelou que a jovem continua sonolenta, e pode ser em decorrência do efeito das drogas que supostamente foi induzida a usar.

Ainda, ao , o médico revelou que a jovem tem problemas psiquiátricos e tem epilepsia – e acompanhada pelo Caps do município.“Ela foi encaminhada ao Pronto-Socorro para os demais cuidados que a jovem necessita e as providências cabíveis”, esclareceu.

O médico também revelou que até o momento nenhum familiar da paciente apareceu na Upa ou se manifestou. “Já fizemos buscas, identificamos todo histórico da vítima, é moradora de Várzea Grande, mas nenhum familiar se manifestou a procura da jovem até o momento”.

SAMU – Na UPA, a equipe do SAMU relatou que na residência onde a vítima estava, foram encontrados diversos preservativos. E que um homem de 47 anos, que acompanhava a vítima, se apresentou como namorado dela.

Aos policiais, o suposto disse que a namorada sofre de epilepsia e teria saído de casa da família, porque estava sendo estuprada pelo padrasto. O suspeito contou que a jovem estava desacordada desde a segunda-feira passada (11).