Busca

Cuiabá
Carregando...

? ºC

/

Várzea Grande (MT), 24 de novembro de 2017 - 06:16

Variedades

06/11/2017 16:14 R7

Adolescente é assassinada a tiros em escola de Goiás

Uma adolescente foi assassinada dentro da própria escola, na manhã desta segunda-feira (6) em Alexânia, cidade a 123 km de Goiânia e 88 km de Brasília.

Rafaella Noviske, de 16 anos, foi atingida na cabeça por vários disparos de arma de fogo e morreu na hora. O crime ocorreu pouco depois das 8h da manhã, no Colégio Estadual 13 de Maio. As aulas foram suspensas.

O suspeito, Misael Pereira, de 19 anos, já foi detido pela polícia. Ele foi localizado e preso momentos após o crime, bastante nervoso.

De acordo com a Polícia Militar de Alexânia, ele teria pulado o muro da escola, munido de um revólver calibre 32, com objetivo definido de matar Rafaella, pois a garota foi a única baleada pelo atirador. Misael é um ex-aluno da unidade de ensino e não tem passagens pela polícia.

Segundo a delegada Rafaela Wiezel, designada para apurar o caso, a hipótese é de crime passional. "Tudo leva a crer que ele tentou namorá-la, mas foi rejeitado. Em seu depoimento, ele relatou que eles se conheciam há longa data e que tinha muito ódio dela. Por conta disto, resolveu comprar uma arma para se vingar e matá-la", relata a investigadora.

 

De acordo com a Polícia Civil, Misael foi autuado em flagrante por homicídio qualificado e encaminhado ao presídio, onde ficará à disposição do Poder Judiciário.

Em pouco menos de 20 dias, esse é o segundo crime envolvendo adolescentes em escolas em Goiás. No último dia 20 de outubro, a tragédia no Colégio Goyazes, em Goiânia, culminou na morte dos adolescentes João Pedro Calembo e João Vitor Gomes, de 13 anos, além de outros quatro estudantes que ficaram feridos.

Ao ser questionada sobre a segurança da escola a Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte de Goiás afirma que "a escola dispõe de câmeras no pátio e dois vigias noturnos para promover a segurança". A pasta disse também que após o crime "a diretora do Colégio e equipe tomaram todas as providências necessárias, chamando a polícia, o socorro e comunicando o ocorrido à família da jovem. Três psicólogas e uma assistente social da Crece (Coordenação Regional de Educação, Cultura e Esporte), de Anápolis, foram deslocados para Alexânia para apoiar a equipe da escola, alunos e familiares. Uma equipe da Seduce também se deslocou para o Colégio."

A Secretaria afirmou ainda que em respeito à morte da estudante e para desenvolver ações de apoio à equipe escolar, aos colegas, e aos familiares da jovem  "as aulas na referida unidade estão suspensas até a sexta-feira (10). Como o calendário escolar já previa um recesso nos dias 13, 14 e 15, em virtude de um feriado municipal e do feriado nacional da Proclamação da República, as aulas serão retomadas no dia 16/11 depois da Celebração de um Culto Ecumênico pela paz e em memória da estudante."

A reportagem não localizou a defesa do detido. 


VGNews

Endereço: Av. Castelo Branco-Nº.1640- Sala- 202- Agua Limpa-Várzea Grande-MT 

E-mail: vgnewsmt@gmail.com

Telefone: (65) 3686-3213 

Redes Sociais

© Copyright  2010-2017 VG News 

versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo