Busca

Cuiabá
Carregando...

? ºC

/

Várzea Grande (MT), 18 de dezembro de 2017 - 03:57

Variedades

30/09/2017 10:46

Família vive exclusivamente do artesanato e se apresenta na Orla do Porto

Se você é daquelas pessoas que gosta de descobrir como o artesão trabalha diariamente, então é bom se programar para uma passadinha na Orla do Porto, em Cuiabá. Toda sexta-feira, das 18h às 22h, além de uma variedade de produtos confeccionados diretamente pelos artesãos da baixada cuiabana e cidades mato-grossenses, haverá demonstração ao vivo e, a cada semana, um artesão. Hoje (29.09), o ceramista Osmar Virgílio da Silva vai mostrar um pouco do que faz no dia a dia e do qual tira todo o sustento da família.

“Estou há cerca de 20 anos trabalhando com a cerâmica, no quintal da minha casa, onde montei o forno para a produção. Conto com o apoio da minha esposa e dos filhos, são dois menores e um maior de idade, pois é o que garante o sustento de todos”, afirma o artesão, que antes trabalhava numa fábrica de vasos.

Diferente de muitos artesãos que tem outra fonte de renda ou são aposentados e começaram com artesanato como opção de renda extra, Osmar não. Ele apostou no artesanato depois de trabalhar muitos anos em uma fábrica de vasos, aliás, foi ali que aprendeu o que levaria com tanto apreço na vida, como profissão.

“Depois de muito tempo trabalhando, ele resolveu montar um negócio próprio, construiu o forno no quintal de casa e as coisas foram caminhando. Nosso sustento vem dessa arte, não temos outra fonte de renda”, conta a esposa Suzenil de Paula, que ajuda na produção.

Em se tratando de cerâmica, a família produz um pouco de tudo. Vasos e moringas estão entre os itens, ou seja, uma variedade que alcança ares dentro e fora do Estado. “Temos que nos virar nos 30, nos 40”, brinca o artesão, ao dizer que não param, participam de diversas exposições, inclusive no Sesc Arsenal nas quintas-feiras e nas sextas-feiras, agora estão na Orla do Porto, onde integram o projeto desenvolvido pela Associação da Orla do Porto de Cuiabá.

“Além de ser de fácil acesso, a Orla, com a réplica dos casarões antigos, se identifica com a história, com a cultura local. Em questão de tempo as pessoas vão conhecer, as visitas estão acontecendo e consequentemente a divulgação acontecerá. Assim o espaço se tornará uma vitrine do artesanato mato-grossense, como é o desejo de todos os envolvidos”, acredita o artesão.

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec), por meio da Coordenadoria do Artesanato Mato-grossense faz o trabalho de curadoria, de fiscalização da exposição na Orla do Porto. A iniciativa presa pela exclusividade do espaço para o artesão, ou seja, o autor do trabalho comercializando seu produto.

O projeto na Orla conta com a parceria da Prefeitura de Cuiabá, através da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Turismo.

Outras mostras

A Feira do Artesanato na Orla do Porto exibirá uma variedade de produtos regionais que vão desde uma lembrancinha a utilidades domésticas em patchwork, tapetes, doces, sabonetes, chinelos, decorações em madeira, marchetarias, brinquedos pedagógicos, bonecas de pano, arcos, tiaras.

“É uma opção para os turistas e cidadãos mato-grossenses conhecerem um pouquinha da cultura regional. Temos pratos típicos entre os atrativos, para que não ouçam apenas, mas que possam adquirir e saborear o melhor da nossa culinária”, revelou André Toledo, presidente da Associação da Orla do Porto de Cuiabá.


VGNews

Endereço: Av. Castelo Branco-Nº.1640- Sala- 202- Agua Limpa-Várzea Grande-MT 

E-mail: vgnewsmt@gmail.com

Telefone: (65) 3686-3213 

Redes Sociais

© Copyright  2010-2017 VG News 

versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo