Busca

Cuiabá
Carregando...

? ºC

/

Várzea Grande (MT), 20 de junho de 2018 - 19:46

Parlamentos

03/06/2018 20:49

Câmara aprova projeto que proíbe a cobrança de estacionamento em funerárias

Os vereadores aprovaram, em sessão plenária nesta terça-feira (29), o projeto de autoria do vereador Luís Cláudio (PP) que proíbe a cobrança de estacionamento nas empresas concessionários do município de Cuiabá. 

O projeto foi aprovado por 16 votos a favor, quatro contra e quatro abstenções. A medida vai evitar, principalmente, a cobrança feita pelas empresas de serviços funerários.

De acordo com o vereador, é inaceitável que as empresas que têm o direito exclusivo de prestar os serviços ao município possam recontratar outras empresas exploradoras de estacionamento para atuar dentro do terreno concessionado.

“O que estamos fazendo é proteger a população de uma cobrança abusiva de uma concessionária que explora um serviço público. Ali é um serviço de interesse público, de toda nossa cidade”, disse Luis Claudio, ao justificar a importância da aprovação do projeto.

O vereador explicou ainda que as pessoas que contratam os serviços de funerárias já têm alto custo com o pagamento para a remoção do corpo do local do  óbito até o local do velório  e, de lá, até o cemitério. Por isso, não podem arcar ainda mais com o valor pago no estacionamento, cobrado por hora.

Desde a concessão realizada em 2011, apenas as funerárias Dom Bosco, Santa Rita e Santa Terezinha, conhecida por Capela Jardins, têm autorização para prestar serviço funerário em Cuiabá.

“Quando se trata de coisa pública, não se pode cobrar mais uma taxa extra dos usuários daquele serviço, como a cobrança de estacionamento das funerárias. Não podem permitir que algumas pessoas que vão lá ganhem vagas de  estacionamento pela pessoa que representam e não dar vagas para o pobre que vai enterrar seu parente”, disse.

Além das empresas de serviços funerários, o projeto de lei aprovado proíbe a cobrança de estacionamento nas concessionárias de água e esgoto, Águas Cuiabá, de  coleta  de lixo, Locar Gestão de Resíduos,  e nas empresas  de transporte coletivo. 

Votaram para aprovar o projeto os vereadores Luis Claudio, Adevair Cabral, Chico 2000, Dr Xavier, Elizeu Nascimento, Juca do Guaraná Filho, Lilo Pinheiro, Sargento Vidal, Dr. Washington, Misael Galvão, Antônio Lemes, Paulo Araújo, Ricardo Saad, Sargento Joelson, Toninho de Souza e Wilson Kero Kero.

Agora o projeto será encaminhado para análise e sanção do prefeito Emanuel Pinheiro. Assim que sancionado, todas as empresas terão prazo de 90  dias  para  se adequarem à lei.

“As empresas estão explorando um serviço público. Então, discutir isso já é competência do Legislativo de Cuiabá e assim o fizemos.  Por isso, estamos propondo vetar a cobrança das empresas que já tem essa prática, como das que possam vir a cobrar. Precisamos fazer justiça”, encerrou o vereador.

Assessoria de Imprensa/Vereador Luis Cláudio


VGNews

Endereço: Av. Castelo Branco-Nº.1640- Sala- 202- Agua Limpa-Várzea Grande-MT 

E-mail: vgnewsmt@gmail.com

Telefone: (65) 3686-3213 

Redes Sociais

© Copyright  2010-2017 VG News 

versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo