Busca

Cuiabá
Carregando...

? ºC

/

Várzea Grande (MT), 18 de junho de 2018 - 04:37

Eventos

10/03/2018 21:09

Juvam e parceiros arborizam Parque das Águas

Fonte: TJ-MT

Resgatar o título de ‘Cidade Verde’ e propiciar mais conforto térmico aos milhares de habitantes de uma das cidades mais quentes do país. Esses são alguns dos objetivos do projeto Verde Novo, idealizado pelo Juizado Volante Ambiental de Cuiabá (Juvam), que na manhã deste sábado (10 de março) realizou a segunda ação de plantio de árvores na Capital mato-grossense. Dessa vez, a área beneficiada foi o Parque das Águas, uma das opções de lazer e prática de exercícios físicos mais frequentadas pela população cuiabana e que recebeu 200 mudas de árvores nativas. A ação é realizada em parceria com a Prefeitura de Cuiabá e o Instituto Ação Verde, e conta com apoio do projeto Teoria Verde.

 

O juiz titular do Juvam, Rodrigo Curvo, explica que a ideia do Verde Novo surgiu a partir da constatação da diminuição dos índices de arborização da cidade. “Apesar de conhecida como Cidade Verde, nossos índices estavam bem abaixo do que preconiza a Organização das Nações Unidas (ONU), que recomenda 12 metros quadrados de verde por habitante. Então, surgiu a ideia de fazer essa mobilização. Sugerimos e conseguimos apoio institucional da Presidência do Tribunal de Justiça, e o Juvam buscou parceiros, como a Prefeitura, o Instituto Ação Verde e inúmeros outros que estão aparecendo para essa empreitada de plantarmos 300 mil árvores para os 300 anos da cidade”, ressalta o magistrado. Em 8 de abril de 2019 a cidade completará 300 anos.

 

Conforme enfatiza o magistrado, para o sucesso da iniciativa a palavra de ordem é envolvimento, seja do setor público, iniciativa privada e dos próprios cidadãos. “Precisamos despertar essa consciência ambiental a fim de melhorar a qualidade de vida na cidade. Sabemos que as árvores contribuem para o conforto térmico, de modo que a única intenção do Poder Judiciário foi fazer essa união de esforços, conclamando o cidadão, junto com o poder público e iniciativa privada, para melhorarmos os índices de arborização da Capital de Mato Grosso. Vamos definir espaços públicos, ruas, praças, parques, grandes avenidas e também avançar com o trabalho junto às crianças mediante o plantio nas escolas públicas e, depois, na rede privada, para que possamos contemplar o maior número possível de espaços”.

 

Além do plantio de espécies nativas como manduvi, timbó, angico, ximbuva, unha de boi, entre outras, o Juvam também aproveitou a oportunidade para distribuir mil mudas de árvores frutíferas e nativas à população. “Temos acerola, caju e tamarindo. Das nativas, os quatro tipos de ipês que são bem procurados, amarelo, roxo, branco e rosa, além do ipê de jardim, para que as pessoas possam plantar em suas casas e calçadas no Município de Cuiabá. São árvores que demandam cuidados simples. No início, a rega quase que diária, pois temos esse clima bastante quente. Depois não requerem tanto cuidado pois são árvores nativas”, explica o conciliador do Juvam, Alexandre Corbelino.

 

Também presente à ação, o superintendente do Instituto Ação Verde, Vicente Falcão, salienta que o Verde Novo visa sensibilizar a consciência cidadã ambiental de cada um dos cuiabanos, assim como a importância da arborização no contexto da socialização. “Muita gente circula aqui no parque e a árvore é um atrativo. Você não vê pessoas conversando no sol e sim debaixo de uma sombra. O bem-estar, o prazer que uma árvore nos dá, quando cede sombra, purifica o ambiente, dá conforto térmico, diminui ruídos e impacto dos raios solares, só quem tem uma árvore em frente de casa sabe”, enfatiza.

 

De acordo com o secretário municipal de Serviços Urbanos de Cuiabá, José Roberto Stopa, a expectativa é reduzir a temperatura ambiente da Capital em torno de 3 a 4 graus. “Isso significa qualidade de vida, humanização e respeito à cidade. Todos os sábados estaremos em local diferente. Começa o plantio no sábado e continua no decorrer da semana”, revela.

 

Para a representante do projeto de educação ambiental Teoria Verde, Luciane de Melo, que se fez presente com cerca de 15 voluntários, a iniciativa é importante para resgatar a biodiversidade da Capital. “O Teoria Verde atua em Cuiabá há dois anos, trabalhando nas escolas realizando palestras educativas e, paralelamente, fazendo as ações de limpeza. Hoje a gente veio aqui, nessa segunda ação de plantio, no Parque das Águas. Faz parte do projeto Verde Novo, que tem o objetivo de devolver o título de Cidade Verde para Cuiabá”.

 

VGNews

Endereço: Av. Castelo Branco-Nº.1640- Sala- 202- Agua Limpa-Várzea Grande-MT 

E-mail: vgnewsmt@gmail.com

Telefone: (65) 3686-3213 

Redes Sociais

© Copyright  2010-2017 VG News 

versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo