Busca

Cuiabá
Carregando...

? ºC

/

Várzea Grande (MT), 20 de junho de 2018 - 21:56

Artigos

01/05/2018 03:07

Dia do trabalho requer trabalho

A própria expressão "Dia do Trabalho" sugere que, para os homens, "trabalho" é uma atividade "honrosa" que deve ser celebrada pelo menos uma vez por ano em todos os países.

O mercado de trabalho é o equilíbrio entre oferta e demanda. Infelizmente, a oferta aumentou muito mais que a demanda. A oferta está aumentando porque a população está crescendo, porque a vida média está ficando mais longa, porque muitas empresas estão cortando equipes, ficando mais enxutas, porque aumenta o consumismo e, com isso, a necessidade de salários extras nas famílias para comprar bens de consumo. Diversos fatores, ao mesmo tempo, a demanda tende a crescer mais lenta que a oferta, por pelo menos quatro fatores.

O primeiro é o progresso tecnológico, que substitui a atividade humana por robôs cada vez mais inteligentes e "poupadores de mão de obra".

O segundo fator é o desenvolvimento organizacional:  aprendemos a organizar melhor o trabalho produzindo cada vez mais bens e serviços com cada vez menos horas de trabalho para alcançá-los.

O terceiro fator é a globalização que muitas vezes se compra no exterior (ainda mais em países menos desenvolvidos) o que antes era produzido em casa.

O quarto fator é o acúmulo de riqueza planetária em cada vez menos mãos. Para reduzir o desemprego no Brasil e no mundo, devemos aprender a compartilhar o trabalho com equidade. O desemprego só pode ser resolvido parcial e gradualmente.

É preciso cada vez mais pensar e pautar vantagens econômicas para as empresas que contratam, assim, aproveitar ao máximo a flexibilidade do emprego para criar diferentes tipos de trabalho cada vez mais alternativos, a fim de aumentar estatisticamente o número de pessoas inseridas no mercado de trabalho.

Fomentar o empreendedorismo, para que as pessoas possam colocar suas qualificações em prol do autossustento, além de poder criar novas oportunidades de emprego, até então inexistente.  

Ter uma ocupação remunerada continua a ser um privilégio para alguns e uma miragem inatingível para os outros, fato que acarreta uma cadeia de problemas sociais, problemas que geram carência econômica familiar. No Dia do Trabalho é preciso refletir e agir quanto ao antônimo do propósito celebrado.

Crédito: Pérsio Oliveira Landim, advogado, especialista em Direito Agrário, especialista em Gestão do Agronegócio, presidente da 4ª Subseção da OAB – Diamantino (MT)

 

Área de anexos


VGNews

Endereço: Av. Castelo Branco-Nº.1640- Sala- 202- Agua Limpa-Várzea Grande-MT 

E-mail: vgnewsmt@gmail.com

Telefone: (65) 3686-3213 

Redes Sociais

© Copyright  2010-2017 VG News 

versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo